Páginas

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

ESTOU AQUI

Olá leitores,

Final do mês de julho a minha mãe caiu na varanda recolhendo roupa. Teve uma fratura transcervical do colo do fêmur.  Entre internação, cirurgia e UTI foram exatamente 16 dias intermináveis para mim, precisando dar conta de estar no hospital por um bom período, trabalho e casa. 

Graças a Deus correu tudo bem e a recuperação em casa esta sendo progressiva, um pouco a cada dia, mas comecei a ver que só com os exercícios que o fisioterapeuta hospitalar passou não iria resolver nada e eu ajudando não teria resultado.

No dia da alta hospitalar, o fisio colocou-á de pé e disse que poderia sair andando de andador, mas ela nem conseguia dar um passo sequer e firmar as pernas. Já em casa me senti iludiu por aquele profissional e vi que não era bem assim. Sair andando? Como? Muitos dias acamada, os músculos tendem a se enfraquecer e o fator idade conta muito.

Então não perdi tempo, fui batalhar um fisioterapeuta domiciliar. Muitos motivos me levaram a acordar antes que fosse tarde demais. Um deles é deixar que ela se acomode e perca totalmente por enfraquecimento muscular o andar e outros. Por indicação encontrei um fisio e a Dona Mercedes já iniciou suas sessões em casa. Estes profissionais não são baratos, mas não tem outro remédio.

A primeira sessão foi complicada, porque dói, ela reclama, quer parar. A segunda que foi hoje foi a mesma coisa, dói, reclama, briga e fica brava com ele, hoje deu mais passos e se depender de mim e do Dr. Yuri não iremos desistir da total reabilitação dela.

E aos poucos estarei colocando minhas visitas em dia, beijos.

foto na UTI, enquanto internada

quarta-feira, 26 de julho de 2017

PIZZA DOCE DE BANANA COM CHOCOLATE E CANELA

Praticidade é o que venho procurando para o dia a dia. De uns tempos para cá meus dias ficaram mais curtos com tantos afazeres. Hoje tenho que administrar meu trabalho, família, minha casa e também a cada da minha mãe, depois do falecimento do meu pai e da minha tia.

E quando dá aquela vontade de comer uma pizza doce, ir preparar a massa, sovar, esperar o crescimento, assar, sempre deixo para depois.


Eis a minha solução, na geladeira sempre tenho um rolo de massa para pastel e a minha salvação.

(imagem Google)

Massa versátil, prática e em alguns minutinhos o que você idealizou esta pronto.

Cortei alguns quadrado de massa, passei geleia de morango caseira que preparei, banana prata em rodelas finas. 


Dois sabores: salpiquei algumas com pedacinhos de chocolate meio amargo e outras com canela em pó. Levei ao forno elétrico até dourar.


Este é o zoom da massa crocantissima, estufada. As rodelas de banana por estarem finas deu uma leve assada, dando um charme a mais. 

Agora escolhe a sua opção e me diz sua opinião.


Beijos.

domingo, 16 de julho de 2017

LINHA ARGAN OIL REPAIR PHYTOGEN DA KERT - RESENHA

Venho testando a linha da Kert já algum tempo e te falo uma coisa cada linha me surpreende muito.

Recebi recentemente da assessoria da Kert, o Shampoo sem adição de sal e o Bálsamo condicionador - Linha Argan Oil Repair Phytogen da Kert e estamos tendo muito êxito com os resultados.

Limpa suavemente sem danifica as fibras. Hidrata e nutre os fio ao mesmo tempo, restaurando a umidade, protegendo e adicionando brilho. Transforma os cabelos quimicamente tratados, ressecados e sem vida em cabelos brilhantes, maleáveis e fáceis de pentear. 

Meu ponto de vista
Limpa muito bem os fios, espumoso. Para quem faz uso de química nos fios, altas temperaturas como eu, o shampoo ajuda a restaurar, proteger, devolver a maciez, luminosidade e por cima reduz o vilão do frizz. Ficando saudáveis, hidratados e brilhantes.

Sua formula elaborada especialmente à base de óleo de argan + semi di lino, ele nutre, revitaliza, hidrata e protege os cabelos quimicamente tratados, ressecados e sem vida devolvendo umidade natural das fibras, selando a cutícula e reparando as pontas. Resultando cabelos mais brilhantes, saudáveis e sem frizz. 

Meu ponto de vista
De fato o nome já diz Bálsamo Condicionador e não condicionador. Então não estranhei muito, tem uma consistência fina, fluída, delicada, leve, enriquecida com o maravilhoso óleo de argan e semi di lino. Precisei de uma pequena quantidade, pequena mesmo para passar nos fios. Cabelos macios, maleáveis, sem frizz, brilhantes. Sem falar da fragrância delicada que os fios recebem.  Os fios ficaram mais alinhados sem deixa-los pesados e com balanço.

E este é o resultado do uso do kit que recebi acima. 


Veja aqui os sites E-commerce para você fazer a compra dos produtos Kert.



terça-feira, 11 de julho de 2017

BRIGADEIRO DE BATATA DOCE


Olá!!

Quem fica com culpa de devorar inúmeros brigadeiros? Eu fico e como fico. 
Se você esta de dieta, é vegano ou tem alguma restrição alimentar saiba que há diversas formas de fazer substituições e este brigadeiro pode ser degustado sem culpa.


Muitas veze sou impulsiva e quando me dou contar já pisei com o pé na jaca. Já devorei o que podia e o que não podia. Então encontrei esta receita num pote de pasta de amendoim, fiz e aprovei. Confere comigo o que usei para preparar:

1 batata doce média
3 colheres de sopa de pasta de amendoim integral
1 colher de sopa de cacau em pó black
2 colheres de sopa de alfarroba com creme de avelã

Cozinhei a batata no microondas, mas também pode ser cozida em água (deixe escorrer bem), retire a casca e amasse ainda quente com um garfo. Acrescente os outros ingredientes e misture bem. Quando a massa já estiver homogênea enrole em formato de bolinhas e passe no cacau em pó black ou castanhas de caju. 



segunda-feira, 3 de julho de 2017

UMA PAIXÃO POR VIOLINO 2

Oi gente!!

E minha paixão continua. Hoje trago esta linda música tocada por Mateus Tonette - Violino Cover, Ninguém Explica Deus, espero que gostem.









segunda-feira, 26 de junho de 2017

sexta-feira, 16 de junho de 2017

PIPOCA CARAMELIZADA

 

Boa tarde meus lindos!!

Aproveitando o feriado que foi ontem, hoje muita gente esta em casa, inclusive eu.

E nestes dias gosto de sossego, curtir a minha casa. E para uma tarde calma, nada melhor do que aproveitar as séries da Netflix. Não sou daquelas que gosta de assistir tudo de uma vez, comecei um e vou até o fim.

Estou assistindo GRIMM - Contos de Terror, uma série divertida e com momentos assustadores. E para acompanhar as cenas de suspense e terror, uma bacia de pipoca caramelizada. Quer ver como fiz, vem comigo:


1 porção de pipoca estourada 
1 porção de açúcar
1 panela larga e alta
1 colher

Na panela coloque o açúcar (coloquei no olhômetro mesmo) e já em seguida a pipoca estourada (coloquei no olhômetro). Comece a mexer, mexer, quando começar a derreter o açúcar abaixo o fogo e não pare de mexer, de um lado para outro, de cima para baixo, até as pipocas ficarem envolvidas no caramelo.
Cuidado para não deixar o açúcar queimar. Mexa bem mesmo. Coloque em cima da bancada da pia e espere esfriar para saborear esta delicia crocante. 


quinta-feira, 8 de junho de 2017

BOLO DE FUBÁ EM CAMADAS

Aqui estamos começando os dias bem mais frescos. O tempo esta bem agradável, esta estação chegou sem querer nada, mas nos trouxe dias mais gelados, nublados, garoas e chuvas. Sabe aqueles dias que dá vontade de ficar em casa só no sofá, debaixo de cobertas, mudando os canais de TV e beliscando uma coisinha e outra. Pois é, também gosto.
 
É, e no final da estação se não se cuidar a balança vai lá em cima, rs.rs. Mas se consumindo com moderação não acontecerá.
 
Sem contar que entramos no mês das festas juninas e quanta gordice para este período.
 
E como toda festa que preze tem que ter um bolo gostoso, deixo esta dica, um bolo mágico que se transforma simplesmente ao assar. Ao fazer o corte dos pedaços você enxerga a gostosura. Ele fica com três camadas irresistíveis.  Então bora lá para a cozinha e anote o que vai precisar:
No copo do liquidificador liquidifique bem:

4 ovos
4 xícaras de chá de leite
3 xícaras de chá de açúcar (usei 2)
2 colheres de sopa de margarina
2 colheres de sopa de farinha de trigo
1 e 1/2 xícaras de chá de fubá
Bater bem, coloque 1 colher de sopa de fermento em pó, dá umas três pulsadas. Desligue e misture com uma colher 100 gramas de queijo ralado.

Forno pré-aquecido. Unte a forma com margarina e polvilhe fubá. Despeje o liquido na assadeira e leve para assar. O tempo depende de cada forno, o meu deve ter ficado aproximadamente uns 40 minutos -180º C,  ele dourou embaixo e em cima ficou mais branco, mas as laterais ficaram douradinhas. ATENÇÃO, se este bolo ficar muito tempo a camada cremoso diminui, então ao espetar o palito ele sairá molhado, porque a camada do meio é um creme.


OBS: Se preferir diminua o queijo, mas garanto que não irá ficar com a camada do meio grossinha.